Coronavírus

Com 31 casos confirmados de coronavírus, Santana passa a obrigar uso de máscaras

Com 31 casos confirmados de coronavírus, Santana passa a obrigar uso de máscaras

Com o decreto, quem presta o serviço e quem busca atendimento devem usar máscara - Prefeitura de Santana

Compartilhe:

O número de casos confirmados do novo coronavírus em Santana chegou a 31 nesta segunda-feira, 13. Diante do crescente aumento de pessoas infectadas, o prefeito Ofirney Sadala editou um decreto obrigando o uso de máscaras por quem precisar sair de casa para trabalhar ou em busca de algum serviço.

De acordo com o decreto, os comerciantes e prestadores de serviços que forem flagrados pela fiscalização ou através denúncia e estiverem permitindo atendimento a pessoas sem máscara terão o Alvará de funcionamento suspenso por tempo indeterminado, até que apresente justificativa e plano de enfrentamento ao novo coronavírus, sem prejuízo de outras sanções administrativas e penais cabíveis.

Os munícipes que descumprirem a medida estabelecida no decreto estarão sujeitos às sanções estabelecidas no Código Penal Brasileiro.

Além dos casos confirmados, Santana tem 132 pessoas com suspeita de contaminação e 140 testaram negativo para a covid-19. Duas pessoas morreram em função da doença.

No Estado, o número de mortos subiu para seis nesta segunda-feira. Já são 244 casos confirmados, 1.034 descartados, 451 em análise laboratorial e 99 pacientes curados.

Compartilhe:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.