Economia

‘Aqui, faço bons negócios e conquisto novos clientes’, afirma empresário na Feira de Santana

‘Aqui, faço bons negócios e conquisto novos clientes’, afirma empresário na Feira de Santana

Consumidores encontram uma grande variedade de produtos a preços promocionais

Compartilhe:

Hélio Carvalho, 46 anos, é um dos mais conhecidos empresários do Amapá, principalmente por estrelar os comerciais de suas lojas interpretando o “Cawboy Maluco”. Ele é um dos empreendedores presentes na quinta edição da Feira de Santana e vê, no evento, uma forma de divulgar sua marca e captar novos clientes. “A feira é uma grande oportunidade pra gente expor nossos produtos. Aqui, faço bons negócios, novos amigos e novos clientes”, garante o empresário.

A Feira de Santana começou na sexta-feira, 6, e vai até domingo, 8, na quadra da Escola Estadual Augusto Antunes. O evento é organizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e parceiros como o Governo do Amapá, Prefeitura de Santana e entidades empresariais.

São 30 estandes com comércio, serviços e gastronomia, mas a feira também é uma opção de lazer, entretenimento e valorização da cultura. Em 2018, o evento movimentou mais de R$ 300 mil em três dias.

“A proposta é permitir que o cliente encontre, em um único ambiente, tudo o que ele precisa. São três dias em que a economia do município é impulsionada pela Feira de Santana”, explicou Iranei Lopes, gerente do escritório do Sebrae/AP em Santana.

Uma das novidades da programação deste ano é o “Balcão de Negócios”, que faz parte do projeto Jovem Descolado, uma parceria do Sebrae/AP e governo do Estado. Cerca de 100 alunos formados no projeto devem participar do Balcão de Negócios, neste sábado, 7, a partir das 15h. “Vamos colocar de um lado os jovens, que buscam entrar no mercado de trabalho; e do outro, as empresas, que precisam dessa mão de obra. Dessa forma, todos saem ganhando”, afirmou Marciane Santo, diretora técnica do Sebrae/AP.

Compartilhe: