Fomento vai permitir melhor atendimento aos 125 alunos da Apae Santana

  • Em Santana, Apae atende 125 alunos no ensino fundamental I e Educação de Jovens e Adultos
    Em Santana, Apae atende 125 alunos no ensino fundamental I e Educação de Jovens e Adultos
  • Termo de fomento foi assinado entre a Seed e a Apae Macapá
    Termo de fomento foi assinado entre a Seed e a Apae Macapá - Erich Macias
Esse recurso será muito bem aplicado na melhoria da qualidade de vida dos alunos assistidos pela Apae Santana. —   Elisia Almeida - diretora da Apae Santana

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Santana ganhou um importante incentivo para desenvolver suas atividades com os 125 alunos matriculados. A instituição foi contemplada com o fomento no valor de R$ 4,5 milhões, do Governo do Amapá, cuja assinatura ocorreu na última segunda-feira, 28.

O Termo de Fomento foi consolidado entre a Secretaria de Estado da Educação (Seed) e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Macapá. O apoio financeiro vai atender a capital e as unidades de Vitória do Jari, Laranjal do Jari e Santana. A iniciativa vai contribuir com as entidades nas despesas com equipe multidisciplinar. Em Santana, onde as atividades iniciaram com atraso, o aporte financeiro deve garantir o pagamento de professores, monitores, cuidadores e profissionais de assistência à saúde para o ano letivo.

De acordo com a diretora da Apae no município, Elisia Almeida, a captação de recurso chegou em boa hora. “Hoje temos professores, cuidadores, psicólogos, fisioterapeuta e com esse apoio, será possível garantir o pagamento e manter as atividades, pois embora o ano letivo tenha iniciado com atraso, temos uma programação pedagógica a cumprir com nossos alunos”, esclareceu a diretora.

No total, a unidade de Santana atende 125 alunos, com idade entre 10 e 50 anos, com deficiências múltiplas, físicas, intelectuais e Síndrome de Down, distribuídos em uma turma do ensino fundamental I e Educação de Jovens e Adultos (EJA I e II). Segundo a direção, a gestão municipal também tem garantido ajuda com a alimentação e transporte escolar.

Desde 2014, a Apae Santana enfrenta problemas por causa inadimplência, a partir de dívidas acumuladas, e tenta driblar as dificuldades buscando alternativas para evitar a paralisação das atividades e continuar atendendo os alunos. “Esse recurso será muito bem aplicado na melhoria da qualidade de vida dos alunos assistidos pela Apae Santana”, acrescentou a diretora.

Em 2017, o Governo do Amapá repassou cerca de R$ 4 milhões para a rede, também através do Termo de Fomento, dividido em oito parcelas. “Contribuir com o trabalho da Apae, significa garantir a inclusão social e o direito de assistência à dezenas de famílias, reforçando o compromisso com a educação”, considerou a secretária de Estado da Educação, Goreth Sousa.

O recurso será dividido em oito parcelas, permitindo o investimento para a contratação da equipe multidisciplinar educacional especializada em atender alunos com deficiência intelectual múltipla ou transtorno global de desenvolvimento, ao longo de 2018. No Amapá, a rede Apae atende ainda 715 alunos em Macapá, 140 em Vitória do Jari e 205 em Laranjal do Jari.

0 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

0 Comentários

Anuncie Aqui