Polícia Militar intensifica abordagens para evitar assaltos a ônibus

  • Durante o fim de semana, barreiras e abordagens a ônibus foram intensificadas em Santana
    Durante o fim de semana, barreiras e abordagens a ônibus foram intensificadas em Santana - Divulgação
A polícia já pontuou a áreas de maior ocorrência dos assaltos, como o bairro Vale Verde, na Rodovia JK.

Os assaltos em série ocorridos na capital e região metropolitana levaram o 4° Batalhão de Polícia Militar a reforçar as abordagens aos ônibus que circulam no município de Santana, na tentativa de coibir os crimes e garantir segurança a quem utiliza o transporte coletivo. As últimas ocorrências registradas foram no último dia 17, quando quatro coletivos foram alvos de ações criminosas.

Durante o fim de semana, equipes do 4º BPM montaram barreiras em pontos estratégicos e realizaram a abordagem em vários veículos. A ação dos bandidos é sempre a mesma. Homens entram armados no ônibus, com facas e armas de fogo, rendem o motorista e o auxiliar de viagem, recolhem o dinheiro e pertences, como celulares e outros objetos dos passageiros. A maioria dos assaltos ocorre no período noturno.

A polícia já pontuou a áreas de maior ocorrência dos assaltos, como o bairro Vale Verde, na Rodovia JK. Logo que a operação iniciou, ainda durante o carnaval, chegou a identificar três suspeitos em um ponto de ônibus às proximidades do Parque de Exposições de Fazendinha, que portavam uma faca que provavelmente seria utilizada para render passageiros.

Diante a ação dos bandidos, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Amapá (Setap) já estuda a possibilidade de reduzir o número de coletivos nas rotas. “Mais de 30 ônibus foram assaltados somente este ano, gerando transtornos financeiros e emocionais para os nossos usuários, além de prejuízos às empresas”, relata Décio Melo, presidente do Setap.

Dos casos citados pelo empresário, dois ocorreram na área de Santana e o restante na capital. A Polícia Militar tem orientado as empresas a adotarem medidas como a implantação de monitoramento eletrônico para ajudar na identificação dos criminosos e coibir os assaltos.

0 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

0 Comentários

Anuncie Aqui