Hospital de Santana recebe novo aparelho de raio-x

  • Com o novo equipamento, exames de raio-x feitos no Hospital de Santana são mais detalhados
    Com o novo equipamento, exames de raio-x feitos no Hospital de Santana são mais detalhados - Márcio Pinheiro
Sabemos das dificuldades, mas estamos avançando para oferecer ao usuário a melhor assistência possível. —   Gastão Calandrini - secretário de Saúde do AP

Responsável por aproximadamente 7 mil exames de imagem por mês, o Hospital Estadual de Santana recebeu nesta sexta-feira, 20, um novo e moderno aparelho de raio-x. O equipamento vai permitir diagnósticos mais detalhados e, consequentemente, um melhor tratamento do paciente.

Além do novo aparelho de raio-x, o governo do Amapá também entregou a reforma da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal, que agora conta com 10 leitos. O espaço revitalizado atende aos padrões do Ministério da Saúde e busca dar assistência mais humanizada aos recém-nascidos. Junto com a nova estrutura, o hospital também recebeu dois novos respiradores e quatro carrinhos de emergência.

O secretário de Saúde do Amapá, Gastão Calandrini, disse que os avanços possibilitam que o usuário tenha uma melhor assistência. “Essas melhorias são demandas que nos foram repassadas em junho, quando visitamos a unidade pela primeira vez. Sabemos das dificuldades, mas estamos avançando para oferecer ao usuário a melhor assistência possível”.

A entrega do raio-x e da reforma da UTI Neonatal  foi acompanhada por membros do Conselho de Saúde do munícipio de Santana. Gilmar Santiago, presidente da entidade, reconheceu os avanços.

“Nós fizemos uma vistoria aqui há alguns dias e a situação hoje está diferente. O raio-x vai poder suprir a demanda do hospital, tanto a de pacientes internados, quanto a que está reprimida. Observamos também que os problemas de infiltração em algumas salas foram resolvidos e que a climatização dos leitos está mais confortante”, frisou Santiago.

Com a aquisição do novo equipamento, o raio-x que estava em uso será encaminhado para manutenção corretiva e preventiva, para dar retaguarda às unidades do interior, como Laranjal e Vitória do Jari.

0 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

0 Comentários

Anuncie Aqui