Assembleia Legislativa do Amapá retoma atividades no prédio próprio

  • Mudanças no prédio da Alap podem ser percebidas desde a área externa
    Mudanças no prédio da Alap podem ser percebidas desde a área externa - Fotos: Kitt Nascimento
Construído há mais de 30 anos, prédio foi totalmente reformado e equipado.

Depois de quase dois anos, as atividades da Assembleia Legislativa do Amapá voltam para o prédio próprio, na Avenida FAB, bairro Central, em Macapá. Totalmente reformado, o espaço proporciona mais conforto para os deputados, servidores, jornalistas e a população em geral. A inauguração ocorreu nesta sexta-feira, 20, com a presença de parlamentares e outras autoridades.

“Hoje o dia é de muita felicidade e tranquilidade porque em obras a gente tem duas alegrias: quando inicia e quando encerra. Nós encerramos cuidando não apenas do estado físico, mas também do estado humano, entregando um espaço onde as pessoas terão uma condição melhor, uma Assembleia para todos”, descreveu o presidente da Casa, Kaká Barbosa (PL).

O prédio, construído há mais de 30 anos, foi todo revitalizado e atende às exigências legais de acessibilidade. Durante a reforma, o Centro de Convenções João Batista de Azevedo Picanço foi a sede do Poder Legislativo amapaense.

O vice-governador do Amapá, Jaime Nunes, destacou a importância de um ambiente adequado para o desempenho das atividades legislativas e receber a população. “O espaço reformado ficou melhor para atender cada vez mais a população que vem acompanhar o dia a dia dos parlamentares escolhidos para defender os interesses da sociedade”, pontuou Nunes.

As mudanças podem ser observadas já na entrada. A área de acesso para o prédio sofreu alteração e ficou mais fácil o embarque e desembarque. Na parte interna, foram instalados equipamentos de segurança, como scanner por raio-x, portal de detector de metais e detectores de metais portáteis, além de um moderno sistema de monitoramento 24h, com 30 câmeras.

A climatização foi reformada e é feita por 94 centrais de ar condicionado, o plenário ganhou novas estações de trabalho, iluminação e um sistema totalmente digital de áudio e imagem.

Durante as sessões, o público poderá acompanhar a votação por meio do painel de votação digital, instalado no plenário da Casa. Além disso, a presidência criou o painel orçamentário do Estado. Nele, será possível acompanhar o orçamento do Legislativo, o que entra e sai. São modernidades para tornar a gestão ainda mais transparente.

A Casa ganhou um moderno estúdio para Rádio/TV Legislativa e novos sistemas de telefonia. Protocolo, Recepção, Comunicação, Diretoria Legislativa, Cerimonial, Comissões, Gabinetes e Copa foram revitalizados dentro de um padrão arrojado com mobílias planejadas, cadeiras e novos computadores.

O setor de informática foi modernizado. A sala ganhou novos equipamentos que possibilitam aos técnicos condições de acompanhar todo o funcionamento do Legislativo. Além disso, conta com servidores modernos e com software atualizado para atender a Assembleia.

Para as pessoas com deficiência, além de banheiros com acessibilidade, foi instalado um elevador para facilitar a mobilidade dentro do prédio, piso tátil e espaço reservado no plenário da Casa. Para atender a demanda, foram construídos 23 conjuntos sanitários, sendo 19 para uso geral, e quatro para pessoas com deficiência.

Além da reforça do atual prédio, a Alap trabalha na construção do anexo, previsto para ser inaugurado em 2020, ano em que os novos servidores aprovados no concurso público em andamento deverão tomar posse.

0 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

0 Comentários