Secretários terão de dar explicações sobre problemas de infraestrutura em Santana

  • Trecho da Rua Tancredo Neves é apenas um entre muitos pontos quase intrafegáveis de Santana
    Trecho da Rua Tancredo Neves é apenas um entre muitos pontos quase intrafegáveis de Santana
  • Anderson Almeida foi o autor da convocação para que os secretários compareçam à Câmara
    Anderson Almeida foi o autor da convocação para que os secretários compareçam à Câmara
Estamos no terceiro ano da atual gestão municipal e ainda não conseguirmos avançar em nada. —   Anderson Almeida (DEM) - vereador

Na próxima terça-feira, 21, encerra o prazo para que os secretários municipais de Meio Ambiente, Desenvolvimento Urbano e Habitação; e de Obras Públicas e Serviços Urbanos compareçam à Câmara Municipal de Santana (CMS) para dar explicações sobre a falta de investimentos em infraestrutura na cidade. A convocação foi proposta pelo vereador Anderson Almeida (DEM).

O parlamentar quer que os dois secretários – Lindemberg Mota e Juscelino Alves – expliquem aos vereadores e à sociedade os motivos para tantos problemas no município, como ruas esburacadas, falta de limpeza pública, praças e vias sem iluminação pública, canais entupidos, além de outros assuntos que devem ser abordados. “Estamos no terceiro ano da atual gestão municipal e ainda não conseguirmos avançar em nada, a população não aguenta mais!”, desabafou Almeida.

Trafegar pelas ruas e avenidas de Santana tornou-se um desafio. Nos últimos meses, a situação das vias ficou ainda pior por conta da quantidade de buracos. Motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres enfrentam diariamente o risco de acidentes e os prejuízos. Até os ônibus mudaram a rota por conta da dificuldade de tráfego.

A água das chuvas que se acumula sobre as ruas, além de provocar a buraqueira, invade casas e estabelecimentos comerciais, provocando transtornos para os santanenses. Por causa da falta de limpeza dos canais, a vazão da água é lenta, o que torna o sofrimento das famílias atingidas pelos alagamentos ainda maior.

“Já houve tempo suficiente para que a prefeitura apresentasse algo de concreto para a população. Não podemos mais aceitar desculpas de que os problemas foram herdados de gestões anteriores. Queremos saber o que vai ser feito para melhorar a qualidade de vida do nosso povo”, concluiu o vereador.

0 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

0 Comentários