Câmara de Santana recebe encontro de capacitação para servidores e parlamentares

  • Na abertura do evento, presidente Helena Lima destacou a importância da parceria com o Interlegis
    Na abertura do evento, presidente Helena Lima destacou a importância da parceria com o Interlegis
  • Presidente da Câmara Municipal de Santana, Helena Lima, e a equipe do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB)
    Presidente da Câmara Municipal de Santana, Helena Lima, e a equipe do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB)
Evento é fruto de uma articulação da presidência da Câmara Municipal de Santana junto ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre.

Até a próxima quinta-feira, 9, representantes do Poder Legislativo dos 16 municípios do Amapá participam do 1º Encontro Regional Interlegis – programa do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB), do Senado Federal. Além da troca de experiências, servidores e parlamentares têm a oportunidade de se aprimorar em alguns temas específicos, por meio das palestras. O evento é fruto de uma articulação da presidência da Câmara Municipal de Santana (CMS) junto ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

O encontro iniciou na segunda-feira, 6, com uma apresentação sobre o ILB e a modernização do Legislativo. O coordenador do Instituto Legislativo Brasileiro, Francisco Etelvino Biondo, falou sobre a importância dos Marcos Jurídicos Municipais; também houve palestra sobre comunicação legislativa e articulação e compilação dos textos legais municipais, voltados, principalmente, para os servidores.

Nesta terça-feira, 7, Francisco Etelvino Biondo, que também é especialista em cerimonial público, iniciou a oficina de Comportamento e Imagem Pública - Cerimonial no Ambiente Legislativo, com abordagem em questões como comportamento, postura, convenções sociais, precedência e o uso e emprego dos símbolos nacionais.

A oficina é uma das mais solicitadas, uma vez que as dúvidas sobre cerimonial nas Câmaras Municipais são muitas. O diretor-executivo do ILB, Helder Rebouças, reforçou que o assunto foi elencado pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre, como tema a ser trabalhado nas casas legislativas. Segundo Helder, o senador acredita que se trata de uma poderosa ferramenta de fortalecimento do Legislativo.  

A programação inclui temas como definições de cerimonial, protocolo e etiqueta; a importância do cerimonial nas organizações modernas e a função comunitária do protocolo. Aborda, também, recepções oficiais, apresentação pessoal, atendimento ao público e a composição de mesas de jantares oficiais.

“É uma excelente oportunidade que temos para capacitar nossos servidores e os próprios vereadores. Como existe a rotatividade nas Câmaras por conta das mudanças de vereadores, é comum que eles tenham dúvidas, assim como seus assessores, alguns, pela primeira vez em uma Câmara Municipal”, ponderou a presidente da CMS, Helena Lima (PRP).

0 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

0 Comentários