Dois morrem em confronto com o Bope na Área Portuária

  • Com a dupla foram apreendidos dois revólveres e uma porção de maconha
    Com a dupla foram apreendidos dois revólveres e uma porção de maconha
Dupla seria responsável por vários roubos a estabelecimentos comerciais.

Dois suspeitos morreram na noite de quarta-feira, 6, na Área Portuária de Santana, em confronto com policiais do Batalhão de Operações Especiais da PM (Bope). A dupla seria responsável por vários roubos a estabelecimentos comerciais, principalmente, na capital.

Por volta de 22h47, os militares da Ronda Tático Motorizada (Rotam), uma das companhias do Bope, foi até a Travessa Ferreira Gomes, em uma região conhecida como “Beringela”. Assim que chegaram ao local, os policiais perceberam que um dos suspeitos estava com uma arma de fogo.

“Um deles correu para dentro de uma casa e o outro para uma região de mata. Quando nossos policiais se aproximaram ainda mais, foram recebidos a tiros e tiveram que revidar”, explicou o tenente-coronel Paulo Matias, comandante do Bope.

A dupla foi baleada e o socorro médico foi acionado, mas quando a equipe do Corpo de Bombeiros chegou, os dois já estavam sem vida.

Os suspeitos foram identificados como Alesson Chagas Cardoso, o “Mena”, 24 anos, e Wenderson de Jesus Leite dos Santos, o “Gordinho”. Alesson já cumpriu pena no Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) pelo crime de roubo. Com eles foram apreendidos dois revólveres calibre 38 e um tablete de maconha.

0 Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Cancel reply

0 Comentários